O que pode ser melhor do que não ter problemas?

A NORD aciona uma nova prensa e muito mais na planta de fabricação industrial da Legg.

Em sua planta de produção em Halstead, Kansas, a Legg Manufacturing, membro do Continental Conveyor Belt Group, começou um projeto para a fabricação de correias de 2,4m de largura. As prensas, acionadas pelos redutores industriais NORD MAXXDRIVE, provaram ser a solução.

Legg Manufacturing

Cliente

Foco no Cliente

created by 'JShanesy (John Shanesy (NORD - US)) (John Shanesy (NORD - US))' on uploading a picture

Na década de 1930, a Legg Comapany começou a produzir remendos de borracha para telas agrícolas, o que acabou levando à fabricaçãode correias industriais. Desse humilde começo em Halstead, no Kansas, a empresa se tornou uma conhecida fornecedora de correias industriais e agrícolas, fornecendo ao mercado soluções inovadoras e uma linha de produtos diversificada.

Foco no Projeto
A Legg decidiu expandir sua capacidade de produção com a adição de uma nova prensa. E ela deveria possuir um tamanho impressionante. O processo da Legg consiste em processar borracha, de modo a produzir correias de transporte de 1,8 m. No entanto, o conceito por trás da nova aplicação era produzir correias com 2,4 m de largura, melhorando substancialmente a eficiência da fabricação. A escala desse projeto necessitaria de enormes redutores industriais para tornar a produção possível.

Projeto

Desafios do Projeto

created by 'JShanesy (John Shanesy (NORD - US)) (John Shanesy (NORD - US))' on uploading a picture

Foco no Cliente
No chão de fábrica, a NORD participa das operações da Legg há décadas. Tudo começou em 1996, quando a Legg enfrentou algumas dificuldades com um rebobinador.
"Nós possuíamos um mandril muito simples, com eixos planos e acabamentos planos" explica San Nikkel, Gerente de Engenharia e de P&D. "Se um mandril falhasse, todo o eixo e o rolo poderiam cair no chão. Era uma situação perigosa que precisava ser resolvida. Eu examinei diversas opções de acionamentos de corrente, e rejeitei todas. Eu sabia que a manutenção da corrente seria um problema. Eu queria que os rolamentos estivessem no mandril, e não queria ter de remover os rolamentos para retirar o rolo. A NORD forneceu toda a redução em um único redutor, sem a utilização de nenhum acionamento de corrente. Isso realmente simplificou os desafios de manutenção".

Foco no Projeto
Em 2011, a Legg decidiu expandir sua capacidade de produção com a adição de uma nova unidade de prensagem. E ela precisava possuir um tamanho impressionante. A prensa tem o objetivo de transformar a borracha em tecido, de modo a produzir as correias transportadoras. A prensa que eles possuíam produzia correias de até 1,8 m, mas o conceito por trás da nova unidade era produzir correias de até 2,4 m, melhorando substancialmente a eficiência da produção. Os enormes quadros para a prensa foram encontrados, no entanto todo o resto da prensa deveria ser construído do zero. A Legg planejou utilizar seus próprios engenheiros e técnicos para a construção, mas também colocou na lista a ajuda do consultor de engenharia Larry Gooch, para que ele auxiliasse no projeto.

Solução

Solução da Aplicação

created by 'JShanesy (John Shanesy (NORD - US)) (John Shanesy (NORD - US))' on uploading a picture

"Eu queria evitar eixos de acionamentos longos, então nós precisávamos estar aptos a empilhar quatro acionamentos. Isso não havia sido feito antes, nem mesmo pela engenharia da NORD. De fato, o time de engenharia da NORD encarou isso como um desafio animador e logo começou a trabalhar nele" explica Larry Gooch, consultor de engenharia da Legg. A engenharia da NORD configurou as carcaças padrão MAXXDRIVE em soluções definitivamente foras do padrão. Essa instalação diferenciada precisou da personalização dos redutores. Como três desses redutores precisavam estar empilhados, com o quarto para o lado, a montagem da carcaça precisava de apoio suficiente para resistir aos momentos fletores. Além disso, as cargas térmicas eram tão altas que um sistema central de lubrificação, alimentado por um reservatório remoto, foi desenvolvido.

Projetos de Engenharia
Os acionamentos múltiplos e a configuração empilhada trouxeram alguns desafios de engenharia significativos. Larry continua: "Em uma prensa de acionamento único a potência se distribui automaticamente para onde ela for mais solicitada. Aqui, nós tivemos que calcular as cargas máximas geradas em cada rolo, e ter a certeza de que o acionamento forneceria potência suficiente, com reserva de emergência. Nós também trabalhamos junto à NORD para o reforço do empilhamento dos redutores. Momentos de torção significativos ocorreriam, principalmente no redutor mais alto. A carcaça em ferro fundido resiste bem às cargas de compressão, mas queríamos ter a certeza de os flanges de fixação não seriam sobrecarregados".

Controle Preciso
A prensa da Legg foi projetada de moto que cada rolo seja acionado por um redutor NORD, permitindo um controle mais preciso da produção. Além disso, a utilização dos acionamentos NORD não se resume à prensa nessa linha. Acionamentos do mesmo tamanho dos da prensa também são utilizados nos moinhos de aquecimento e acabamento que fornecem a borracha para a prensa. Depois da prensa, outros acionamentos NORD acionam diversos rebobinadores no decorrer da produção.

Download do Estudo de Caso

Case_study_download_teaser

Baixe o PDF do estudo de caso da Legg Manufacturing aqui:

Download